Desde o começo dessa atual geração e a eterna batalha para dizer qual é a melhor plataforma, a diferença sempre volta aos jogos “exclusivos”. Os dois consoles tem seus pontos fortes, tanto o Xbox 360 quanto o Playstation 3, e porque não dizer, são ótimos consoles. Então realmente o fator de escolha é a exclusividade dos games.

E nós, os Fanboys do PS3 sempre usamos o mesmo argumento, se existe em outra plataforma, então não é exclusivo. Os Fanboys do Xbox 360 argumentam que se o game é para 360/PC ele é de alguma maneira exclusivo. Ou seja, essa bravata, no mínimo bizarra, é usada para argumentar que um game é exclusivo da “Microsoft”.



Bom, está na hora de mostrarmos a diferença entre um exclusivo da Microsoft e um exclusivo da Sony. Primeiro ponto, sim este é um post Fanboy, então não me venham atirar pedras por esse motivo.

Bom, os Fanboys do Xbox sempre dizem que nós, os Fanboys da Sony, sempre nos escodemos no argumento do PC, e que a grande maioria não tem um PC capaz de suportar games pesados. Mas essa é uma falha na argumentação, pois é fato que para jogar no PC já não é mais preciso um top de linha, você pode sim, com um PC mediano rodar jogos tranquilamente, pode ser que não tenham o melhor gráfico e performance, mas você pode.

Bom, vamos analisar porque nós, Fanboys da Sony, nos escondemos atrás do PC e porque estamos certos em fazer isso.

A principal razão para o Fanboy da Sony se esconder neste argumento é que não precisamos de um Xbox 360 para jogar os melhores exclusivos do Xbox 360. Por exemplo, eu não tenho um Xbox 360, mas já joguei Gears of War, Lost Planet e Left 4 Dead no PC. Muitos irão argumentar que a Microsoft faz dinheiro com todas essas vendas, mas eles estão errados, e eu digo porque. A Microsoft não recebe royalties dos games de PC, e essa é uma das razões porque os games de PC são mais baratos do que as versões dos consoles.

“A Microsoft também criou o programa “Games for Windows” – muito bem, é um logo nas caixas que permite publicadores como a Activision e a EA vender seus títulos de PC sob o nome de “Games for Windows” sem pagar royalties”. Kotaku

“É também importante notar que a Microsoft não ganha nenhum royaltie nas vendas de games de PC. O selo “Games for Windows” não tem custo nenhum de publicação, mas sim uma tentativa da Microsoft em se tornar uma voz singular nos games de PC. G4TV

Então o termo “exclusivo da Microsoft” é meio que inútil, já que quando sai para PC ela não ganha nada com o game, a não ser claro que ele seja um game dos Estúdios da Microsoft. Eu já sei o que alguns aqui irão argumentar, “Mas você tem que jogar usando o Windows, então significa que você já pagou para a Microsoft”, novamente um argumento inútil, pois eu posso dizer o mesmo se estiver usando um Sony Vaio, que veio royalties para a Sony. Mas o selo da Microsoft serve para vender sim sistemas operacionais, já que garante que vai rolar ali.

E do outro lado, um exclusivo da Sony só vai funcionar em uma plataforma da Sony: PS3, PS2 ou PSP. O que significa que a Sony ganha em todas as vendas, e se o game sair para PC como um título da Sony Estudios, a Sony ainda vai estar ganhando dinheiro. Mas o mais importante,  você só irá jogar em uma plataforma da Sony.

Você não verá um Fanboy da Sony dizendo que “the Agency” ou “Final Fantasy 14” é um exclusivo do PS3, mas agora pense em quantos Fanboys do Xbox irão dizer que todo jogo que sairá para PC também é exclusivo?







Apoie o Select Game pela tag da Epic Store


Se você curte o Fortnite, gostou deste artigo e/ou usa a Epic Store, apoie a gente, para continuarmos com o nosso trabalho! Use a tag RODRIGOFGLIMA dentro do Fortnite ou na loja da Epic Store.

Apoie um criador Select Game