Como eu andei atualizando o meu portfólio de desenhos, agora tenho de atualizar o meu portfólio 3D, que é bem mais pobre do que o outro, já que faz tempo que não mexo com modelagem 3D. O deste post é sobre o projeto A Ratoeira, um restaurante 3D que montei alguns anos atrás no Blender.

Quando eu estava na faculdade, uma das disciplinas do curso de Sistemas de informação era Tecnologias de Produção Multimídia. Em outras palavras: edição de imagens, vídeos, etc. Então, um dos trabalhos da matéria era montar uma apresentação multimídia sobre um restaurante 3D, com algumas regras básicas (que na época e ainda hoje acho absurdas), como o mesmo ser minúsculo. Como regras são regras, acatei pra ganhar a nota e fui modelando, primeiro o recinto do lugar, depois a escada. Também fui fazendo testes no Yafray:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Wips (para mostrar que eu realmente usei o Blender):



Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Depois terminei a escada:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Então mudei o layout da escada, fiz uma cadeira e terminei a escada:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

O bloco flutuando na primeira imagem na linha acima é só pra me auxiliar com medições.

Só para constar, a logo do restaurante, que um colega meu de faculdade fez na época e baseado no Missão Impossível:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Agora, com as mesas e primeiros testes de texturas:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Observação: tirando a logo e as imagens com a barra azul do Windows XP, as outras imagens são renders do Blender.

A logo na parte de cima da mesa é pra simular um pano que mostra a logo do restaurante. É claro que hoje seria difícil colocar algo assim já que restaurante e ratos não combinam, salvo raras exceções!

Continuando, testes com vários conjuntos de cadeiras e mesas:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Mais wips, sendo que uma das imagens mostra a mesma em wireframe:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Nova mudança de layout e testes com texturização de portas. Na imagem à direita, são as portas do banheiro. Sei que num restaurante de verdade não deve ter as portas tão próximo das mesas, mas tinha de obedecer o tamanho pequeno imposto pelo professor:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Testes de renderização da parte de fora e da parte de dentro, já com as janelas. Só para constar, a iluminação está bem tosca, mas vamos levar em consideração que eu era noob na época na questão da modelagem 3D e que esse é o meu primeiro trabalho sério de modelagem. Ainda pretendo melhorar nisso no passar dos anos já que mesmo que eu vire um game designer eu ainda quero brincar de 3D e 2D nas horas vagas.

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Testes com raymirror, ou, para quem não conhece o termo: espelhamento. Setei no Blender um material de espelho e fiz um teste usando o Yafray. Aqui o PC dá uma sentada fenomenal: só essa imagem demorou uns 3 minutos para ser renderizada. Pode parecer pouco para quem trabalha com renders de mais de 1 hora, mas na ápoca, onde eu queria ver resultados rápidos, é muito tempo.

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Novos testes com raymirror (onde dá também para criar vidro), um evevador de comida, uma textura de indicação do tipo do banheiro (se é masculino ou feminino) e o balcão de caixa do restaurante, além da escada pro segundo andar.

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Ainda na questão da indicação do banheiro, eu fiz isso direto na textura da porta, no Gimp. ENtão no projeto tem 3 tipos de portas, a normal, no fundo (que representa a porta da cozinha) e as dos banheiros, que você pode ver acima.

Segundo andar do local:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Com isso eu praticamente finalizei este projeto. Segue render de fora e uma imagem mostrando o wireframe (linhas do cenário) e os modelos 3D do Blender:

Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira
Modelando um restaurante 3D - A Ratoeira

Para concluir, vamos ao balanço do projeto:

  • Que foi bem prazeroso juntar o que eu gostava mais de fazer na época com uma disciplina da faculdade (apesar de que eu gostei da maior parte da própria disciplina. Foi nela que aprendi a usar o Gimp!).
  • Que eu fazia algumas coisas usando referências reais e não fotos (já que como eu não tinha câmera digital na época, para eu fazer a cadeira eu coloquei ela do lado do PC, fui medindo cada pedaço com uma régua e encaixando).
  • Foi o primeiro projeto que abusei do Gimp, já que a porta e suas variações foram simplesmente edições da mesma imagem).
  • Foi o primeiro projeto que conheci o Yafray e onde eu consegui fazer efeitos de textura e vidro convincentes.
  • Foi o projeto onde considerei 2 minutos de renderização um tempo elevado (ok, os renders mais violentos poderão passar de horas, mas eu ainda não cheguei neste nível!).
  • E admito agora que a iluminação está muito ruim.

Agora, com este post, posso começar outros projetos, já que eu queria mostrar a vocês como que foi, já que muitos recursos e aprendizados que aprendi com A Ratoeira será usados futuramente. Ainda quero muito ficar bom no Blender, mas como no desenho, aprender bem uma área de conhecimento levará muito tempo.







Apoie o Select Game pela tag da Epic Store


Se você curte o Fortnite, gostou deste artigo e/ou usa a Epic Store, apoie a gente, para continuarmos com o nosso trabalho! Use a tag RODRIGOFGLIMA dentro do Fortnite ou na loja da Epic Store.

Apoie um criador Select Game