Parece que o texto Aprenda a programar em dez anos (que eu cheguei a comentar aqui), rendeu outro texto bastante interessante (principalmente para quem está afim de criar jogos):

O texto é bem interessante no sentido de que, até para programar jogos, demora pro desenvolvedor fazer algo decente. E tenho de concordar com ele, já que eu tento estudar gamedev há cerca de 2 anos e meio, e ainda não saí do básico (só sei programar um pouco em Java e sou muito noob em Blender (ainda)). E, em qualquer área de trabalho (não importa se é tecnologia ou medicina, por exemplo), demora muito tempo para a pessoa dizer que ela é boa no que faz, mas ainda assim, acho que nem durante a vida toda a gente poderá chegar e dizer: estou no topo.

Fora que, como o mundo sempre muda e sempre tem novidades de todos os locais (e é por isso que a vida é boa. Se tudo ficasse na mesmice, a vida não teria graça (descontando os monges que ficam anos sempre rezando e fazendo as mesmas coisas. Não sei como que eles conseguem…)), sempre poderemos ver novidades da área que a pessoa atua.



Veja também

É igual um jogo de RPG: você começa ruim e aos poucos vai melhorando, ganhando experiência no que faz. É o aprendizado contínuo.

Vale a pena ler o texto!









Siga a gente no Instagram!