Paganini Mixer

Parece que as coisas podem mudar radicalmente na franquia Call of Duty se o relato do Polygon for real. Segundo fontes do site, o jogo virá sem uma campanha de 1 jogador tradicional. O “single-player”, que está sempre em discussões recentes nos jogos de tiro (onde diversas campanhas são bem elogiadas, como no Wolfenstein II) pode dar lugar a algo mais cooperativo: o foco da Treyarch seria tanto no multiplayer e no modo de Zumbis.

As fontes dizem que haverá uma ênfase no cooperativo, que seria o substituto da campanha single-player. Talvez algo similar ao Overwatch, talvez?

A matéria citou que não daria tempo pra desenvolvedora terminar o modo de jogo até a data de lançamento, por conta do game ter sido adiantado para ser lançado em 12 de outubro.



A Activision respondeu ao site comentando que “não comenta rumores e especulações”, mas acaba deixando essa situação complicada. Já está rolando diversas reclamações nos fóruns e redes sociais, mas ainda teremos de esperar até o dia 17 de maio, que será o dia onde a empresa fará um evento divulgando as principais novidades para o game. Por mais que eu seja a favor de jogos cooperativos e de gostar de multiplayer, tudo depende: eu não compraria um Call of Duty exclusivamente para o multiplayer, e dado todo o meu retrospecto ruim do multiplayer dos modos de jogo da franquia (ainda não testei o modo de zumbis na minha nova internet de fibra ótica, mas o único multiplayer que funcionava era o normal, e não gosto tanto desse modo de jogo por diversos motivos) posso acabar deixando o game de lado no final do ano inicialmente.

Por hora teremos de esperar por novidades. Call of Duty: Black Ops 4 será lançado para PC, PS4 e Xbox One. Para outras notícias sobre a franquia, confira aqui!