Paganini Mixer

Playstation 4

Acabou a espera, acabou “parte dos rumores”. Em um evento na cidade de Nova York a Sony anunciou finalmente o novo console da empresa. O sucessor do Playstation 3, que terá o nome de Playstation 4. Sempre acreditei que o console teria esse nome, pois, apesar de alguns não gostarem, o nome estava na boca do povão desde sempre. Marketing, apesar do número 4 não ser bem-visto no Japão. Mas é apenas uma superstição, e ainda assim não dá pra saber como será o desempenho do novo console nos próximos anos, e pelo que vimos hoje, o console tem tudo para decolar, se a Sony fizer direitinho o dever de casa.

Primeiramente, eles anunciaram que a arquitetura será baseada no X86, com 8 GB de RAM e usando uma “placa de vídeo de ponta”, sem citar mais detalhes. A arquitetura dos PCs atuais, e isso já é uma decisão acertadíssima, pois será mais fácil para os desenvolvedores criarem games para o console. Uma das reclamações recorrentes dos desenvolvedores é que a arquitetura do Cell dificultava bastante no PS3, e essa mudança faz com que a adesão seja ainda maior por parte das empresas no PS4. A placa de vídeo ainda não foi anunciada,  mas pode acabar sendo uma placa recente ou um chip “exclusivo”, e os rumores citam a AMD como a fornecedora do chip gráfico. Por hora, teremos de esperar até a E3 para a Sony anunciar novos detalhes, e pode ser que eles possam até usar um chip gráfico que não estava previsto nos primeiros kits de desenvolvimento, tendo um poder gráfico ainda maior. Mas é uma especulação da minha parte.



O Dual Shock 4 também foi revelado oficialmente, confirmando a aparência das imagens vazadas anteriormente. Teremos um sensor de movimentos na parte de cima (similar ao Move), os botões Start/Select foram embutidos no botão “Options” e teremos um botão de “Share”, que poderá ser usado para compartilhar conteúdo para outros jogadores, usando o Gaikai como a “plataforma principal da nuvem” do Playstation 4. O controle também terá uma “painel de toque na parte frontal, oferecendo novas formas de interação com os jogos” e um “falante embutido e uma entrada de headset para que você escute os efeitos sonoros dos jogos com a maior fidelidade possível”. Também será oferecido junto com o console um headset, para os jogadores se comunicarem com os amigos, e o controle também terá uma Playstation Eye modificada e aprimorada (que lembra um pouco o Kinect), com uma câmera dupla, que “pode detectar a profundidade do ambiente a sua frente e também rastrear a localização tridimensional do controle por meio da barra de luz”.

Dual Shock 4

Dual Shock 4

Dual Shock 4

Dual Shock 4

A câmera também terá quatro microfones capazes de detectar sons com precisão e a origem dos mesmos e oferecerá mais precisão com o Move, que também poderá ser usado no console.

Dual Shock 4 Camera

Dual Shock 4 Camera

Voltando a comentar do Gaikai, a plataforma, que se chamará Playstation Cloud (confirmando outro rumor anterior) terá conectividade e promete ser a “mais rápida e poderosa rede para jogos do mundo”, segundo o David Perry, CEO do Gaikai. A Sony também fez parcerias com o Facebook e o UStream, e o console terá recurso de compartilhar imagens e fazer streaming de jogos ao vivo, além de uma nova interface e uma “rede social” embutida. Serviços como o Netflix e a Playstation Plus foram garantidos na nova plataforma, e eles só não comentaram se os serviços de compartilhamento e streaming estarão disponíveis gratuitamente ou mediante assinatura, como acontece atualmente com a Plus.

Já a retrocompatibilidade, uma questão que desperta muita esperança dos jogadores, não estará presente nativamente no console, mas a Sony espera implementar isso no futuro com o Gaikai. Outro recurso impressionante é que , graças ao “modo de suspensão” o console irá eliminar o tempo de carregamento do seu save, permitindo que o jogador retorne imediatamente ao ponto onde parou pressionando o botão Power; o console também poderá ser atualizado enquanto estiver desligado e os games poderão ser jogados imediatamente após o início de um download. Acredito que terá um pré-load inicial para depois podermos iniciar a jogar, e games de RPG serão os principais beneficiados. Como o Ni No Kuni tem mais de 20 GB de tamanho, começar o download e já ir jogando pouco tempo depois será um recurso interessantíssimo para poupar tempo e já ir se divertindo enquanto faz o download. O console também terá um segundo chip para uploads e downloads, permitindo baixar games enquanto a gente estiver jogando. Na verdade esse recurso já está no Playstation 3, mas muitos games “travam o download em segundo plano” quando o game tem funcionalidades online (ou não).

O Vita também terá integração com o PS4, podendo “transferir os jogos da tela da sua TV para o seu PS Vita via Wi-Fi”, além de suporte a iPhone,  iPad, tablets e dispositivos Android, sendo uma “tela secundária, possibilitando mecânicas únicas como visualizar mapas durante uma aventura ou assistir remotamente aos seus amigos jogando durante uma batalha épica – direto de um smartphone ou tablet”. Esse recurso chegou a ser citado em Watch_Dogs (que foi confirmado para o console), quando surgiu uma foto do game e tendo um iPad mostrando o mapa da cidade de Chicago.

Já o console não foi mostrado e eles não anunciaram preços, sinalizando mais uma estratégia de marketing, gerando mais expectativa para a E3 para o anúncio dessas informações. Talvez eles também não tenham ainda o design pronto, que pode sofrer alterações até acontecer o principal evento de games do planeta. De qualquer jeito o console tem uma janela de lançamento: final de 2013. Eles não deram uma data mais precisa, que também pode ser revelada apenas na E3, mas só o fato do console sair esse ano é muito importante, ainda mais para concorrer com o Wii-U e podendo sair na frente da Microsoft nesta nova guerra da próxima geração de consoles. Ou a Microsoft também tenha interesse em lançar este ano, e a Sony não poderia ficar para trás e lançar posteriormente. Eu tenho bastante interesse em adquirir o novo console (não tanto no começo, mas alguns poucos meses depois dependendo do preço) e estou bem animado, ainda mais com os games apresentados, como o Killzone Shadow Fall e Watch_Dogs, com este último sendo lançado junto com o lançamento do aparelho.

Com o Playstation 4 anunciado oficialmente, agora as produtoras poderão confirmar os games que estão em desenvolvimento, mas talvez alguns deles só sejam anunciados na E3, quando a Microsoft anunciar também o novo console. Claro que ela não confirmou que ela irá apresentar o novo Xbox este ano, mas com o PS4 já anunciado, ela terá de agir para não ficar para trás. Ai sim as coisas ficarão mais interessantes, até mesmo para o jogador decidir qual console irá comprar em um primeiro momento. Ou adquirir os 2, caso tenha um poder aquisitivo mais elevado.

Por fim, abaixo tem os games anunciados para o console, junto com as confirmações de Watch_Dogs e Diablo III tanto para o Playstation 3 quanto para o Playstation 4. Quero comentar sobre cada um deles nos próximos dias, comentando sobre as expectativas e mais detalhes:

  • Knack – Ação com estilo cartoon
  • Killzone: Shadow Fall (FPS)
  • Driveclub – Corrida
  • inFAMOUS Second Son – Ação
  • The Witness – Puzzle
  • Deep Down (nome provisório) – Medieval
  • Final Fantasy (sem outros detalhes)
  • Watch_Dogs – Ação em mundo aberto
  • Diablo III – Ação
  • Destiny – FPS em mundo aberto

[Com informações do UOL Jogos e Playstation.Blog]