Grim Dawn, disponível no Steam, permite tanto jogar com teclado e mouse, ou usando um controle, que ajuda bastante na movimentação e deixa o jogo bem fluído. Um detalhe que achei bem interessante (em comparação com jogos como o Path of Exile e o Diablo III ) é que dá pra movimentar a câmera, além de aproximar a câmera perto do personagem, ou afastar.

Até que é um recurso bem curioso, mas que pode acabar gerando um efeito colateral: você pode perder um pouco o senso de direção caso queira retornar pra base ou pro portal mais próximo. Outro problema é na questão do uso do controle: para usar controle “não Steam” tem de habilitar uma opção no menu (senão mesmo com o controle ligado não irá funcionar de primeira) e tem a questão de mapear os comandos/habilidades.

Ao iniciar a progressão pela primeira vez, caso o jogador só use o controle ele só terá ataques físicos baseados na arma que ele esteja usando no momento. Então no caso ele terá de escolher uma classe no menu, definir as habilidades e só assim mapear. Caso você esteja usando um controle de Xbox, aperte o “Back” (abrindo o menu principal do personagem/itens/etc) e depois vai na aba habilidades.



Grim Dawn - Menu do personagem

Logo em seguida aperte “Y”, e assim você abre o menu para escolher os comandos. No meu caso optei por jogar como Arcanista:

Grim Dawn - Menu de Habilidades

Assim você define qual comando você irá utilizar.

Grim Dawn - Mapeando habilidades no joystick

O jogo oferece diversas classes para você escolher, desde Soldado, Arcanista, Nightblade, Necromancer, etc.

Você pode saber mais sobre o jogo no Steam e no site oficial. O RPG está em promoção até o dia 7 de outubro, saindo a R$ 12 reais. Mas mesmo fora de promoção, muitos jogadores elogiam o game, que tem bastante conteúdo, DLCs extras a preços acessíveis (com 2 pacotes de história) e em breve terá uma nova atualização, onde a Crate Entertainment está fazendo uma revisão completa dos itens, além de revisarem os equipamentos de facções, deixando os equipamentos com mais apelo. Também terá conteúdo extra de história.