De vez em quando surgem reportagens na imprensa especializada sobre os impostos que encarecem o preço dos videogames. Decidi postar aqui duas delas e comentar sobre isso.

Impostos fazem videogames ficarem até 200% mais caros no Brasil

Impostos encarecem preço dos videogames no Brasil



Deu para perceber como anda a situação hoje. E uma coisa eles tem razão: enquanto não mudar os impostos, além deles não arrecadarem impostos, os jogadores continuarão na pirataria. Quem vai comprar um game que custa quase 300 reais sendo que pode comprar um que custa 10? Com os consoles é a mesma coisa, mas hoje a situação está mudando, já que vejo muitos usuários comprando produtos originais (apesar do preço absurdo), e todos ganham: o lojista, a produtora e o jogador, por acreditar na indústria, ajudar a mesma (já que se um game não vende, a produtora leva prejuízo e pode não fazer outros games) e ter um produto de qualidade em sua casa (e quem sabe até com legendas em português. Já imaginou Metal Gear Solid 4 legendado? Tudo bem que é quase impossível, mas é bom sonhar de vez em quando :P).

Além disso, fiquei um pouco surpreso e ver o Playstation 3 custando 3000 reais no Submarino, mas é por causa do dólar que está baixando. Por mim, que continue abaixando, mas se o governo rever os impostos, quem sabe ano que vem será possível comprar um Xbox 360 nacional por uns 1500 reais (chutando o preço), o que seria um preço interessante para o jogador. Já o preço dos games deve abaixar pouco comparado com o que é hoje, já que somente a conversão do dólar deixa os lançamentos com preço de 100 reais, se for comparar o preço dos games para PC com os do Playstation 3. Por exemplo, o Ninja Gaiden Sigma, lançamento do Playstation 3, custa cerca de 60 dólares na Amazon. Pelo menos é mais barato do que pagar cerca de 270 reais, que é o preço que os games do PS3 tem no Submarino atualmente.

Apesar de muitos acharem caro gastar 100 reais num game, muitos desses usuários devem gastar isso por mês com cervejinha no final de semana com os amigos (ou até mais). E reclamam do preço das coisas! Tudo bem que é bom sair com os amigos, mas que eles não reclamem que um game custe 100 reais, já que em muitos deles (como os RPGs longos, tipo o Final Fantasy XII) garante diversão por pelo menos uns 2 meses (ou mais, caso você jogue poucas horas semanais).

O jeito é a Abragames pressionar o governo e quem sabe eles consigam enxergar isso. Para nós, o jeito é esperar.







Apoie o Select Game pela tag da Epic Store


Se você curte o Fortnite, gostou deste artigo e/ou usa a Epic Store, apoie a gente, para continuarmos com o nosso trabalho! Use a tag RODRIGOFGLIMA dentro do Fortnite ou na loja da Epic Store.

Apoie um criador Select Game





Paganini Mixer