Sempre admirei pessoas que tem o dom musical, eu obviamente não sou uma delas. Quando era mais novo eu cogitei a possibilidade de tentar aprender a tocar algum instrumento, mas prontamente abandonei a idéia pois, entre o nada e o conhecimento, existe uma fase muito chata chamada de “aprendizado”.

Assim o mundo foi negado de conhecer um grande guitarrista até o dia que inventaram os jogos de música, como o Guitar Hero ou o Rock Band. Estes games pulam aquela parte pentelha de aprender a tocar algum instrumento e te joga direto nos holofotes. Só existe uma pequena falha: Você não esta realmente “tocando” alguma coisa.



Não se pode negar que a emulação ainda é divertida para a maioria das pessoas (é só observar o sucesso que estes games fazem, ainda mais em festas), porém o ideal seria juntar o útil (aprender a tocar um instrumento) ao agradável (diversão de um game).

Eis que surge o game “Rise of the Sixstring”. A premissa é conhecida (e manjada) dos outros games de música, a diferença está principalmente no periférico.

ForPress_Product2_REV_610x487[1]

Nas dificuldades mais simples o jogo funciona tal como os outros, onde você tem que pressionar uma “casa” e bater em qualquer corda. Conforme vai aumentando a dificuldade do game, você começa a ter que acertar as cordas também e, aos poucos, surgem “acordes” musicais.

Acredito que ninguém se tornará um Hendrix por platinar o game, mas me daria por satisfeito em aprender a tocar ALGUMA COISA (ainda que porcamente) já que sou uma completa negação.

Sei que existem pessoas com críticas extremamente válidas, como por exemplo: “Não quero aprender a tocar uma guitarra, eu comprei um jogo e não um violão!”.

Eu apenas posso dizer que eu gostei da idéia e espero que a moda pegue. Já posso até ver a continuação “TECLADO CASIO HERO!” ou então “GAÚCHO BAND, Lendas do Acordeão”.

Por enquanto não tem data de lançamento definida e estima-se que o game custará a mesma coisa que seus concorrentes. A guitarra poderá ser utilizada fora do jogo, como uma guitarra normal, além de ser compatível com o Guitar Hero e Rock Band (sem utilizar-se de acordes, é claro).

Aqui está o video promovido na GDC, enquanto não chega a E3 com novidades.

 PowerGig: Rise of the SixString







Apoie o Select Game pela tag da Epic Store


Se você curte o Fortnite, gostou deste artigo e/ou usa a Epic Store, apoie a gente, para continuarmos com o nosso trabalho! Use a tag RODRIGOFGLIMA dentro do Fortnite ou na loja da Epic Store.

Apoie um criador Select Game