Publicidade

Seja bem vindo ao nível 1313 de Coruscant, um ninho de atividades criminosas que será o nosso playground neste jogo. Não teremos nenhum Jedi nos dizendo o que podemos fazer ou não, não teremos poderes da Força, e a coisa mais perto de um sabre-de-luz são as lampadas florescentes nos tetos. Também não teremos mais QTE’s e de fato nada que nos lembre The Force Unleashed.

Este é o novo projeto ambicioso da LucasArts e segundo eles tudo isso não é CGI, é in-game. Com uma parceria inédita da LucasArts, da ILM, da LucasFilm Animation e do Skywalker Sound, vamos ter esse que pode ser um dos melhores jogos de Star Wars que já saiu. O jogo está rodando na Unreal Engine 3, e não na Unreal Engine 4 como alguns rumores tinham falado, e alguns softwares prioritários da ILM, ou seja, é realmente um jogo desta geração.

Reparem na qualidade dos cenários, eles são críveis, as cenas de ação e conversas transicionam de maneira natural. E para aqueles que tinham a dúvida, segundo a revista Playstation Magazine Britânica, o jogo não será de mundo aberto, assim como Uncharted, ele terá uma história totalmente linear.

E falando de Uncharted, o pessoal da LucasArts bebeu bastante na fonte dele pra construir esse jogo, e é claramente percebível no estilo do jogo. O jogo pretende nos colocar em um mundo adulto de Star Wars nunca antes visto, e aqui estamos falando de caçadores de recompensa, e apesar de não termos muitos detalhes da trama ainda, é claramente percebível que Jedi aqui não tem nada haver. Inclusive para quem conhece de Star Wars, sabemos que Jedi nunca vão ao submundo de Coruscant.

Para aqueles que não sabem Coruscant é o mundo capital de Star Wars, e aparece principalmente nos episódios da nova trilogia. Para quem conhece Star Wars, já reparam que a nave parece uma Blockade Runner?

Depois do últimos fiascos em jogos de Star Wars, parece que finalmente a LucasArts vai acertar a mão.

[Via: CVG ]